29.06.2017

Confira cinco dicas especiais para manter uma boa visão ao envelhecer

De todas as especialidades, talvez a visita regular ao oftalmologista seja a mais negligenciada pelas pessoas. Apesar de doenças como astigmatismo miopia e hipermetropia aparecem naturalmente em algumas pessoas, depois dos 40 anos existe uma perda natural da acuidade visual. Contudo, tendo alguns cuidados é possível manter uma boa visão, mesmo ao envelhecer. Quer saber como? Veja só as dicas especiais que separamos para você: 

1. Alimentação: manter uma alimentação equilibrada é fundamental! Evite fritura, excesso de sal, açúcar, carne vermelha e aumente o consumo de vitaminas, minerais, proteínas saudáveis e ômega-3. Onde encontrar? Em frutas, verduras frescas e até mesmo castanhas. Um hábito assim oferece inúmeros benefícios à saúde ocular, retardando doenças como degeneração macular e catarata. 


2. Cigarro: além dos já conhecidos malefícios aos pulmões, o cigarro também prejudica, e muito, sua visão! Você sabia que mesmo quem já parou de fumar há 15 anos apresenta mais chances de desenvolver doenças oculares como catarata, glaucoma e degeneração macular do que quem nunca fumou? 


3. Óculos escuros: mesmo quando não está fazendo sol, é importantíssimo o uso de lentes escuras com proteção UVA e UVB. A exposição constante aos raios ultravioletas provoca a degeneração macular, doença que atinge a retina. Por enquanto não existe nenhum tratamento eficaz para isso, então você ainda tem dúvidas de que prevenir é o melhor a se fazer?


4. Computador: quem passa longos períodos em frente ao computador deve fazer pausas a cada duas horas para descansar os olhos. Durante a pausa, pisque os olhos rapidamente e várias vezes para lubrificá-los e evitar a síndrome do olho seco. 


5. Check-up: muitas vezes passamos um longo período sem fazer um check up da visão. Porém, ter essa atitude pode acarretar em futuros problemas de visão. Uma pessoa com presbiopia, miopia, astigmatismo ou hipermetropia deve passar por consultas oftalmológicas pelo menos uma vez ao ano para checar se não houve nenhuma alteração no grau. Já quem sofre com glaucoma ou catarata, por exemplo, precisa seguir à risca as indicações médicas e passar por consultas a cada seis meses, pelo menos. 

Compartilhe:

Voltar

LEIA TAMBÉM

    Contato

    R. Senador Souza Naves, 648
    Londrina, PR, 86010.160
    43 3375.9500

ENTRAR EM CONTATO

LOCALIZAÇÃO

Hoftalon © 2014 Todos os direitos reservados.

NOV3 Comunicação Digital